quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Desejos para 2011...


Este ano quero paz
No meu coração
Quem quiser ter um amigo
Que me dê a mão...

O tempo passa e com ele
Caminhamos todos juntos
Sem parar
Nossos passos pelo chão
Vão ficar...

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer...


(Música: Marcas do Que se Foi / Composição: Roberto Pera e Flecha / Intérprete: Os Incríveis)



Que 2011 seja um ano mágico de realizações para todos e que a força do amor de Deus esteja sempre presente em nossas vidas.

Que nós possamos ver o mundo com os olhos cheios de amor, além de sermos mansos, pacientes e compreensivos. Que nós possamos ver além das aparências e o bem em cada um.

Que só de benção possa se encher o nosso espírito... e nos momentos difíceis que insistem em atravessar nossas vidas, lembrem-se: "
Alegrai-vos na esperença e sede pacientes na tribulação" - Romanos 12:12.

Fiquem com Deus e um super abraço!

Silvia Elena

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Reflexo...


"A bondade é um reflexo da nossa intimidade com Deus."

(Desconheço o autor)

domingo, 26 de dezembro de 2010

A cada dia. A cada minuto. A cada segundo, nosso planeta está mudando...


O aquecimento global e outras mudanças climáticas decorrentes das emissões de gases do efeito estufa, possivelmente serão as questões mais difíceis que a humanidade terá de enfrentar nas próximas décadas.

O vídeo que acompanha esta postagem, deixa claro de que o aquecimento global já é uma realidade da qual não se pode escapar.

É preciso que o "bicho homem" caia na real!!!

Silvia Elena


video

domingo, 19 de dezembro de 2010

Amanhecer...


Quero nascer de novo em cada dia que nasce.

Quero ser outra vez novo, puro, cristalino.

Quero lavar-me, cada manhã, do homem velho, da poeira velha,
das palavras gastas, dos gestos rituais.

Quero reviver a primeira manhã da criação, o primeiro abrir dos olhos para a vida.

Quero que cada manhã, a alma desabroche do sono como a rosa do botão, e surja, como a aurora do oceano, ao sorriso dos teus lábios, ao gesto de tua mão.

Quero me engrinaldar para a festa renovada com que cada dia nos convidas e desdobrar as asas como a águia em demanda do sol.

Quero crer, a cada nova aurora, que esta é a definitiva, a do encontro com a felicidade, a da permanência assegurada, a de teu sim definitivo.

"O bem que praticares em algum lugar é teu advogado em toda parte."

(Francisco Cândido Xavier)



Francisco Cândido Xavier (Pedro Leopoldo, 2 de abril de 1910 — Uberaba, 30 de junho de 2002), nascido como Francisco de Paula Cândido Xavier e mais conhecido popularmente por Chico Xavier, notabilizou-se como médium e divulgador do Espiritismo no Brasil.

O seu nome de batismo Francisco de Paula Cândido, em homenagem ao santo do dia de seu nascimento, foi substituído pelo nome paterno de Francisco Cândido Xavier logo que psicografou os primeiros livros, mudança oficializada em abril de 1966, quando chegou da sua segunda viagem aos Estados Unidos.


Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Chico_Xavier
http://www.culturalivre.net/2007/09/02/amanhecer-chico-xavier/

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A aurora boreal cada vez mais intensa...

Aurora boreal cada vez mais luminosa

Registros da aurora boreal na Islândia

Céu multicolorido

Desenhando no céu

Energia na atmosfera



Paisagem em Kleifarvatn, em outubro de 2010.

Lago reflete luzes laranjas e verdes. Lago em Ingvellir, em abril de 2010.

Ondas no céu - Lago em Jkulsrln, em abril de 2010.

Farol ao longe - O ciclo solar leva em média 11 anos entre um máximo solar e o outro.


O fenômeno é causado pelos ventos solares que carregam um fluxo contínuo de partículas elétricas liberadas pelas explosões que ocorrem na superfície do Sol. Quando estas partículas atingem os campos magnéticos da Terra algumas ficam retidas provocando a luminosidade intensa pela liberação de energia ocorrida com a colisão destas partículas com as moléculas e átomos presentes na atmosfera.

O fotógrafo islandês Orvar Thorgiersson, 35, está registrando a evolução do fenômeno. "Agora há dias em que as luzes são tão claras que você pode ler um livro à noite. Elas são mais claras que a lua", diz.

O evento será causado pelo máximo solar, período em que o campo magnético no Equador do sol roda num ritmo ligeiramente superior ao dos seus pólos.

O ciclo solar leva em média 11 anos entre um máximo solar e o outro.

O último máximo solar ocorreu em 2000. Segundo a Nasa, o próximo, que ocorrerá em 2012, deve ser o maior desde 1958, quando a aurora boreal surpreendeu os habitantes do México com três ocorrências.

Em 2012, espera-se que as luzes da aurora possam ser vistas até a latitude de Roma. No entanto, caso seja de fato tão intenso, o fenômeno poderá causar problemas a telefones celulares e sistemas de GPS pela liberação de energia num grau mais elevado.



Fonte:
http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2010/12/101213_galeria_aurora_jf.shtml

sábado, 11 de dezembro de 2010

Paciência...


"Aprimorar a paciência requer alguém que nos faça mal
e nos permita praticar a tolerância."

(Dalai Lama)

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

O amor não é um aprendizado...


"[...] O amor não é um aprendizado, mas um crescimento. O que você precisa fazer não é aprender maneiras de amar, mas desaprender maneiras de "desamar".

Os obstáculos precisam ser resolvidos, as pedras têm que ser retiradas do caminho, para que ele possa fluir.

Ele já existe — escondido atrás de muitas pedras, mas a sua nascente já existe. Ele é o seu próprio ser.


(Osho, em "A Essência do Amor: Como Amar Com Consciência e Se Relacionar Sem Medo")

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Sua vida...


Quando sua vida começa, você tem apenas uma mala pequenina de mão...

A medida em que os anos passam, a bagagem vai aumentando porque existem muitas coisas que você recolhe pelo caminho, por pensar que são importantes.

Em um determinado ponto do caminho começa a ficar insuportável carregar tantas coisas, pesam demais. Então você pode escolher: ficar sentado à beira do caminho, esperando que alguém o ajude - o que é difícil, pois todos que passarem por ali já terão sua própria bagagem; ou você pode aliviar o peso, esvaziando a mala.

Mas, o que tirar ? Você começa tirando tudo para fora... vê o que tem dentro: Amor, Amizade... Nossa! Tem bastante coisa, mas o curioso é que não pesa nada...

Tem algo pesado... você faz força para tirar... É a Raiva - como ela pesa! Aí você começa a tirar, tirar e aparecem a Incompreensão, o Medo, o Pessimismo... Nesse momento, o Desânimo quase te puxa para dentro da mala... Mas você o puxa para fora com toda a força! No fundo da mala, aparece um Sorriso, que estava sufocado pela bagagem.... Pula para fora outro sorriso e mais outro, e aí sai a Felicidade...

Aí você coloca as mãos dentro da mala de novo tira pra fora um monte de Tristeza... Agora, você vai ter que procurar a Paciência, pois vai precisar bastante.... Procure então o restante: a Força, a Esperança, a Coragem, o Entusiasmo, o Equilíbrio, a Responsabilidade, a Tolerância e o bom e velho Humor. Tire a Preocupação também. Deixe de lado, depois você pensa o que fazer com ela...

Bem, sua bagagem está pronta para ser arrumada novamente. Mas, pense bem o que vai colocar dentro da mala de novo, hein?! Agora é com você. E não se esqueça de fazer essa arrumação mais vezes, pois o caminho é muito, muito longo, e sua bagagem, poderá pesar novamente.


(Texto: desconheço o autor)